OXALÁ – ORIXÁ REGENTE DE 2012

Cada ano, é regido por um determinado Orixá. Esse Orixá conta com a energia de outras divindades para equilibrar e “governar” o ano.

As previsões do ano, imprimem de uma forma ampla e abrangente, o que os Orixás preparam para a vida das pessoas no decorrer do período.

Para ter uma previsão específica e determinada para uma pessoa, o jogo de búzios deve ser feito individualmente.

O Ano de 2012 será governado por Oxalá e com variados adjuntós. A entrada do ano será regido por Oxaguiã, Oxum Yeye Ipondá e Bará Ajelú. Orixás que possuem uma energia inicial e pujante, o que pode levar a decisões sem reflexão.

Nesse primeiro trimestre deve-se evitar a tomada de qualquer decisão que possa gerar grandes mudanças de rumos. Nesse período a melhor coisa a ser feita é observar,  elaborar e raciocinar, antes de qualquer decisão a ser tomadas.

Imediatamente na entrada do terceiro mês, Oxalá passa por uma “envelhecida”, porém sua energia continua jovial. Oxaguiã e Oxum Yeye Ipondá, passam de uma energia sem controle para uma energia voltada para a batalha. Somando a Obaluayê, as transformações e novos rumos em todas as esferas acontecerão nesse período.

Um tempo para elaborar e outro para agir. Exatamente assim as forças do primeiro semestre se dividem.

Não será um ano de muitas transformações materiais. Elas serão poucas porém marcantes. Nossas atenções devem estar voltadas para o mundo espiritual, não importando qual a maneira que você usa para se conectar com a espiritualidade, esteja em dia com suas tarefas.

As grandes mudanças e limpeza acontecerão durante o ano inteiro nesse aspecto. Fiquem atentos com as várias mortes que irão acontecer durante todo o período. Omulu e Oyá Igbalé proporcionarão uma faxina espiritual muito grande, utilizando a força necessária para limpar o mundo de espíritos e mentes insanas, quase que como um basta. Será um combate muito grande tanto espiritual quanto material no mundo inteiro.

A energia de ataque dos ditos Orixás de frente, principalmente: Bará, Ogum, Oyá, Xangô, Obá e Obaluayê, estarão com apenas um objetivo: resolver.

Oxalufã e Iemanjá Sobá estão no início do segundo semestre prontos para organizar o final da grande “faxina”. Separando mortos e feridos, lavando e organizando o que sobrou. Ogum em seus vários caminhos, entra na energia para recomeçar o novo. Elaboramos, lutamos e agora tomamos o novo rumo. Essa energia de Oxalufã e Ogum, faz com que as estradas fiquem claras e os objetivos estejam redirecionados. Iemanjá Sobá, facilita, recolhendo para as profundezas o que não é interessante para continuar a caminhada.

Na segunda metade do segundo semestre, a energia dos anciãos toma conta da humanidade. Oxalufã, Nanã Burucum, Oxum Abotô, Xangô Agodô e Omulu. Essas energias serão observadas de maneira forte. A estruturação das coisas será de maneira sólida e concreta. Tudo vai se organizar de baixo para cima. As fundações serão solidificadas. Esse é o melhor momento do ano para formatar “o novo”. Elaboramos a mudança no início, agimos e lutamos no segundo trimestre, aparamos as arestas no início do segundo semestre e agora concretizamos o novo projeto.

Em resumo, será um ano muito intenso e pesado, devido aos movimentos espirituais, um ano de muito esgotamento espiritual e mental, porém com resultado imediatos. Ação e reação. Não vamos esperar para ver os resultados das atitudes. Um ano que merece todo o cuidado. Um ano em que devemos evitar fazer coisas pela consciência alheia. Um ano que devemos escutar nossa espiritualidade e nosso interior.

Cores: Durante o ano inteiro, o branco é a cor que terá vibração espiritual muito forte.

Combinações para o ano: Branco e amarelo claro; Branco e Azul; Branco e Lilás; Branco e Preto.

Para entrada do ano: Branco com amarelo claro; Branco, amarelo e vermelho; somente branco.

O metal do ano: Ouro Branco.

Número: 8 e seus múltiplos.

Tenha em sua mesa nessa virada: Canjica branca com leite de coco e leite condensado.

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

2 Responses to OXALÁ – ORIXÁ REGENTE DE 2012

  1. Pai Geraldo de Oxum says:

    fui feito no omolocô em 1989, filho de Antonieta e neto da famosa oyasssim do rio de janeiro, e digo para vocês parabéns pelo assunto publicado, mostram que realmente sabem de fundamento.Parabéns!!!!! Pai Geraldo de T’ossum

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s