Caboclos

Legítimos representantes da Umbanda, eles se dividem em diversas tribos, de diversos lugares formando aldeias, eles vem de todos os lugares para nos trazer paz e saúde, pois através de seus passes, de suas ervas santas conseguem curar diversos males materiais e espirituais.

A morada dos caboclos é a mata, onde recebem suas oferendas, sua cor é o verde, vermelho e amarelo para os Caboclos, e para as Caboclas  verde, amarelo e azul claro. Gostam de todas as frutas, de milho, do vinho tinto (para eles representa o sangue de Cristo), gostam de tomar sumo de ervas e sucos de frutas e apreciam o coco com vinho e mel. Existem falanges de caçadores, de guerreiros, de feiticeiros, de justiceiros; são eles trabalhadores de Umbanda e chefes de terreiros.

As vezes os caboclos são confundidos com o Orixá Oxóssi, mas eles são simplesmente trabalhadores da Umbanda que pertencem a linha de Oxóssi, embora sua irradiação possa ser de outro Orixá. A sessão de caboclos é muito alegre, lembra as festas da tribo.

Assim como os Preto-velhos, possuem grande elevação espiritual, e trabalham “incorporados” a seus médiuns na Umbanda, dando passes e consultas, em busca de sua elevação espiritual. Estão sempre em busca de uma missão, de vencer mais uma demanda, de ajudar mais um irmão de fé. São de pouco falar, mais de muito agir, pensam muito antes de tomar uma decisão, por esse motivo eles são conselheiros e responsáveis. Os Caboclos vêm auxiliar na caridade do dia a dia aos nossos irmãos enfermos, quer espiritualmente, quer materialmente.

Por essas razões, na maior parte dos casos, os Caboclos são escolhidos por Oxalá para serem os Guias-Chefes dos médiuns, ou melhor, representar o Orixá de cabeça do médium Umbandista (em alguns casos os Pretos-Velhos assumem esse papel).

Constituem o braço forte da Umbanda, muito utilizados nas sessões de desenvolvimento mediúnico, curas (através de ervas e simpatias), desobsessões, solução de problemas psíquicos e materiais, demandas materiais e espirituais e uma série de outros serviços e atividades executados nas tendas.

Os caboclos de Umbanda são entidades simples e através da sua simplicidade passam credibilidade e confiança a todos que os procuram, nos seus trabalhos de magia costumam usar pemba, velas, essências, flores, ervas, frutas e charutos e palheiros. Quase sempre os Caboclos vêm na irradiação do Orixá masculino da coroa do médium e as Caboclas vêm na irradiação do Orixá feminino da coroa do médium; mas, eles(as) podem vir também na Irradiação do seu próprio Orixá.

2 Responses to Caboclos

  1. cleber antonio carrion says:

    qual bicho d pena q eu poço matar pra caboclo axe sendo eu d xango
    e trabalho com o 7 pedreira caboclo claro axe obrigado feliz natal axe

    • Mukui N’Zambi! Aconselho que busque orientação junto de seu Zelador. Em meu axé fazemos sacrifícios a Orixás, não costumamos realizar sacrifício à guias espirituais, salvo o caso dos Exus e algumas entidades em particular. Cada culto tem suas particularidades e cada Casa também. O que pode ser certo pra mim pode não ser o usual para outro, portanto ninguém melhor que o seu zelador para lhe orientar a respeito deste assunto.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s